No Morumbi, o São Paulo havia sido derrotado pelo Internacional por 2 a 1. Depois, em 16 de agosto, no Beira Rio, as equipes empataram por 2 a 2, resultado que deu ao clube gaúcho o título da Copa Libertadores de 2006. Anunciado nesta quinta-feira como reforço do Tricolor, Fernandão foi o grande algoz são-paulino na ocasião.

Aos 29 minutos do primeiro tempo, quando o placar apontava 0 a 0, o atacante abriu o placar se aproveitando de uma das mais marcantes falhas do goleiro Rogério Ceni ao longo dos seus 901 jogos pelo Sampa. Após a cobrança de falta de Jorge Wagner – que chegaria no Tricolor em 2007 -, o goleiro agarrou a bola, mas a largou nos pés de Fabiano Eller, que conseguiu escorar para Fernandão marcar.

Depois, aos 20 da segunda etapa, o jogador participou também do segundo gol. Após receber cruzamento e ver Ceni defender sua cabeçada, cruzou na medida para Tinga estufar a rede.

No fim, com 2 a 2 no placar, o atacante comemorou o seu primeiro título da Libertadores, enquanto o Sampa ficou sem o tetracampeonato. Está em dívida com os são-paulinos?

Edição LanceNet!